Publicado por: jromarq | 21/02/2010

Dilma lá!

PT aclama ministra Dilma como pré-candidata à sucessão do presidente Lula 

Aclamada por unanimidade como pré-candidata do PT à sucessão de Lula durante o IV Congresso Nacional do partido, que terminou neste sábado (20) em Brasília, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, defendeu a democracia como valor fundamental e destacou que, apoiada pelos partidos de coalizão, terá o desafio significativo de “fazer ainda mais que o governo Lula fez nos últimos sete anos”, um governo que promoveu uma reconstrução no País. 

 “Quem duvidar do vigor da nossa democracia que leia, que escute ou que veja o que dizem os jornais livremente, as vozes oposicionistas. Preferimos as vozes dessas oposições – ainda quando mentirosas, injustas e caluniosas – ao silêncio das ditaduras”, disse Dilma. 

A ministra reforçou a defesa da reorganização do Estado como indutor do desenvolvimento. Ao contrário da tese que vigorou no governo anterior, de que todas as mazelas do País poderiam ser resolvidas pelas forças do mercado, Dilma afirmou as bases para o crescimento com justiça social foram colocadas pelos dois governos do presidente Lula e os resultados confirmam que a opção foi mais do que acertada. 

Ao comparar a cartilha do estado mínimo do governo FHC, Dilma disse que “o desastre no Brasil só não foi maior porque os brasileiros resistiram ao desmonte”, lembrando que por pouco empresas como a Petrobras ou a Caixa Econômica Federal não foram privatizadas. 

Dilma disse que levará para os partidos que deverão integrar a frente de apoio à sua candidatura as diretrizes aprovadas durante do IV Congresso Nacional do PT, mas fez questão de realçar que seu objetivo é ampliar o programa Bolsa Família, fundamental para diminuir a pobreza ainda existente no Brasil. 

A área de educação também terá atenção especial em seu governo, para sedimentar o que foi feito nos últimos anos pelo presidente Lula, tanto é que desde a escravidão não havia a criação de novas universidades e escolas técnicas como se realizou. “Temos que pensar nos jovens, porque serão eles os beneficiários de um novo País que estamos criando juntos. Vamos transformar a educação para oferecermos condições da creche à pós-graduação. Para isso, temos que investir na capacitação dos professores que merecem ter condições dignas de trabalho e salário”, afirmou. 

Dilma disse que o acesso de banda larga gratuita para todos os alunos será uma meta a ser atingida, em linha como o projeto do senador Aloizio Mercadante (SP) estabelecendo a banda larga em todas as escolas, onde os alunos terão seus próprios computadores para estudar e pesquisar. “Vamos investir na sociedade do conhecimento”, disse a pré-candidata do PT. 

Durante a solenidade de aclamação de seu nome, Dilma foi aplaudida em diversas ocasiões, principalmente quando disse que o Brasil conquistou reconhecimento internacional por suas políticas públicas de inclusão. A ministra da Casa Civil contou um pouco de sua vida e disse não ter ódio ou querer revanchismo contra aqueles que a torturaram. “Tenho a certeza que nunca mais viveremos numa jaula ou numa prisão. Nós estamos construindo um novo País, que se reencontrou consigo mesmo. Um País que não tolera mais as injustiças sociais”, salientou. 

Leia, também, a íntegra do discurso da Ministra Dilma Rousseff no IV Congresso do PT 

Fonte: site do companheiro Mercadante

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: