Publicado por: jromarq | 01/05/2010

Os vices de J Serra

Para J Serra, pelo visto, torpeza é virtude

Quais seriam os pré-requisitos imprescindíveis a eventuais infaustos postulantes a vice na chapa presidencial de J Serra? Como exemplo, arrolo, a seguir, os nomes de três figuras sombrias que desfrutaram, poderiam ou poderão desfrutar de tal “honraria”:

  1. Gilberto Kassab, ou, se preferirem, Giba Kassado; especialista na gestão de negócios fraudulentos, recebimento de propina e doações de campanha ilegais. Tornou-se conhecido pelo grande feito de ter providenciado o desaparecimento de bilhões em precatórios no período em que integrou o secretariado, na área de finanças, do ex-prefeito Pitta. Cassado duas vezes pela Justiça Eleitoral (o processo ainda está em andamento). Foi vice-prefeito de José Serra do PSDB.
  2. JR Arruda, ou, se preferirem, Serra me Acuda; senador tucano cassado, líder de FHC envolvido no escândalo da violação do painel de votações do senado juntamente com o Toninho Malvadeza (ACM, dono do PFL, atual DEMO). Transformou-se em chefe do crime organizado, constituindo-se num dos líderes do megamensalão do Democratas. Até bem pouco tempo, esteve fortemente cotado para ser o candidato à vice-presidente na chapa do tucano J Serra.
  3. Paulo Maluf, ou se preferirem, Traficante de Frangos… Bem, é até covardia atribuir alcunhas ao “intrépido” deputado Paulo Salim Maluf; procurado por órgãos de polícia internacionais por lavagem de dinheiro, evasão de divisas, peculato, formação de quadrilha. Recentemente foi condenado pela Justiça brasileira num dos inúmeros processos que enfrenta no Brasil por gestão fraudulenta de negócios públicos. Agora, pasmem! Está sendo assediado pelo PSDB para indicar um membro do PP (F Dornelles, talvez) para ocupar o ambicionado posto de candidato à vice-presidente… Na chapa de quem? Claro, o “ícone” do tucanato José Alagão Serra.

Portanto, como é que esses ilustres safardanas têm a cara-de-pau de vir a público alardeando suposta defesa do projeto Ficha Limpa. “Pode, querem mais?!” O fato seria hilariante, não fossem as implicações econômico-financeiras aos bolsos do chamado cidadão comum, o contribuinte. Ou seja, eu, você…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: