Publicado por: jromarq | 02/07/2010

Guerreira lá, guerreiro cá!

Dilma presidente e Mercadante governador estarão amplamente preparados para assegurar a continuidade do projeto Brasil Cidadão

Só quem vive (ou tenta viver) em São Paulo sabe: insegurança, educação entregue às traças, transporte coletivo sucateado, logradouros abandonados e imundos, aumento abusivo de impostos e tarifas, saúde entregue ao ocaso. Temos que aturar ainda todo esse quadro escamoteado pelas mentiras veiculadas através da propaganda oficial; todo esse nefando cenário implacavelmente “temperado” pelo desmando, pela corrupção (CPIs arquivadas na Alesp, a multinacional francesa Alstom envolvida em negociatas e contratos fraudulentos com todas as empresas estatais paulistas – de modo bastante particular Metrô e CPTM). A sociedade paulista precisa ponderar; precisa refletir. Mercadante representa, em São Paulo, a consolidação e o aprofundamento das conquistas sociais e econômicas implementadas pelo governo Lula com Dilma Rousseff. Todos precisamos nos conscientizar sobre a necessidade de que tomar o poder em São Paulo tornou-se de vital importância. São inadmissíveis os abusos e a incompetência do tucanato paulista. A terra da garoa, o “túmulo do samba” (segundo Vinicius, claro…) precisa, de maneira premente, se desvencilhar dessa carapuça, desse manto que revolve um conservadorismo contumaz e anacrônico; dessa aura sinistra, exalando os tenebrosos miasmas de uma direita dissimulada e mitômana travestida de falsos ideais progressistas. São Paulo precisa despertar da estagnação intelectual, da longa e nefasta hibernação política que nos mantém num tétrico círculo vicioso de inoperância, de retrocesso. Enquanto o restante do país, o restante do mundo reorientam suas opções ideológicas, aqui, na terra dos bandeirantes, lideranças políticas tucanas e demonistas mantêm-se atreladas ao decadente “ideário” neoliberal (a política do Estado mínimo, do mercado perdulário e deletério que atolaram o mundo numa crise financeira de proporções descomunais em 2009). São Paulo, com toda sua pujança, dorme. Um sono profundo, hipnótico, a transformar cidadãos paulistas e paulistanos em seres estranhos, desprovidos de argúcia e lucidez políticas: a torre do jogo de cartas marcadas pessedebista desmorona, mas o senhor títere, G Alckmin, candidato tucano ao governo do estado, lidera as pesquisas com larga margem. Inacreditável! Portanto, está mais do que na hora de virar a página; a página do engodo, da incompetência e das falcatruas. O Brasil precisa da Guerreira lá; São Paulo precisa do Guerreiro já! Dilma presidente e Mercadante governador estarão amplamente preparados para assegurar a continuidade do projeto Brasil Cidadão.

Anúncios

Responses

  1. Dilma,nós homens confiamos uns nos outros por-isso Serra está na frente.Vocês mulheres não confiam muito uma nas outras.Se confiassem você venceria no primeiro turno.Dilma convença as mulheres em votar em ti se quiser ganhar.

    • Prezado Gilberto.
      Antes de qualquer coisa, agradeço pelo comentário. Lamento, mas o candidato tucano não está na frente de absolutamente coisa alguma. Caso esteja se referindo à “pesquisa” mais recente do DataFolha (ou melhor, DataForja) sugiro que não alimente esperanças inócuas. A credibilidade atual do instituto particular de J Serra é tão elevada quanto a honestidade do vice demo-tucanista, Índio da Costa (o deputado demonista, relator do projeto “Ficha Limpa”, é especialista em falcatruas com merenda escolar, foi indiciado em CPI sobre o caso na assembléia legislativa carioca). Enquanto os institutos de pesquisa mais sérios revelam ampla vantagem de Dilma, apenas a empresa de Mauro Paulino e o Globope (desculpe, Ibope) posicionam Serra à frente de Dilma com manipulações espúrias da “margem de erro”. Portanto, não seja incauto meu caro. Além disso, não posso deixar de ressaltar o tom machista anacrônico e deplorável embutido em seu comentário. Não devemos votar neste ou naquele candidato por questão de gênero. Isso seria um absurdo, além de inaceitável e deprimente. É imperativo que o voto seja cidadão: deve ser orientado por convicções e esclarecimento. Sou homem, contudo jamais votaria em J Serra. Sua postura, caro Gilberto, é totalmente errônea e ultrapassada. Só posso, mais uma vez, lamentar :: Jorge Marques


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: