Publicado por: jromarq | 28/07/2010

Indústria naval

Nossa indústria naval recuperou a sua antiga força; voltou a empregar mais de 40 mil pessoas e já é a quarta maior do mundo.

No final dos 1970, o Brasil era o segundo maior fabricante de navios do mundo, empregando cerca de 45 mil pessoas. Na década seguinte, começou o declínio e o abandono da nossa indústria naval. Quase tudo era construído em outros países, como Cingapura, incluindo plataformas de petróleo. No governo de FHC e Serra, o setor chegou a empregar menos de duas mil pessoas.

Com Lula e Dilma, veio a grande mudança: tudo que podia ser construído aqui passou a ser construído aqui. Antigos estaleiros foram reativados e novos foram e estão sendo construídos. Além disso, foi criado o Programa de Modernização e Expansão da Frota da Transpetro (Promef), hoje um dos principais instrumentos de ação do PAC.

O resultado é que a nossa indústria naval recuperou a sua antiga força: voltou a empregar mais de 40 mil pessoas e já é a quarta maior do mundo em número de encomendas de navios petroleiros. O símbolo maior dessa transformação foi o lançamento, em maio, do primeiro navio petroleiro feito no Brasil nos últimos 13 anos: o “João Cândido”, construído no estaleiro Atlântico Sul, em Pernambuco.

Fonte: Dilma13

Anúncios

Responses

  1. Vanda Régia :: http://bit.ly/cvNU3g [RT no Twitter]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: